Plantar Ideias _ Bromelia por Julia Ribeiro

Design concreto

11 de abril de 2017

Como na moda, no design as tendências também pendulam: somem, depois ressurgem. O concreto dentro de casa, por exemplo, foi muito usado na década de 1980 e nos últimos tempos vem reaparecendo em projetos ousados e que exprimem leveza apesar de sua matéria-prima.

Temos uma pequena lista de finalistas nessa edição do Prêmio Salão Design que comprovam o poder do concreto na decoração. Aqui, aparecem três produtos para área externa e um deles, inclusive exposto no Fuorisalone desse ano, para ambientes internos.  

 

Plantar Ideias _ Bromelia por Julia Ribeiro

Bromélia 

Espreguiçadeira, banco e escultura inspirada pela forma e textura das bromélias. O mobiliário consiste em três assentos na forma de pétalas, que sugerem uma maneira diferente para acomodação e descanso, servindo como uma espreguiçadeira tripla para áreas externas. A utilização do concreto em peças de design para áreas externas, torna-a um elemento de envelhecimento digno ao tempo, a temporal ao mesmo tempo, visto a característica arquitetônica do concreto.

 Plantar Ideias_Rufus Urbanus por Julia Ribeiro

Rufus Urbanus 

Inspirado nos pássaros urbanos que vivem entre os edifícios e arranha-céus, a Rufus Urbanus é uma casa de passarinho com design inspirado nas casa de João de Barro, propondo uma interação lúdica do habitat natural dos pássaros. Feita em concreto, ganha acessórios e suportes em aço inox, que remetem aos ganhos das árvores.

 

IMG_0369

Poste D+M – Bottamedi Design & Projetos

Feito em concreto aparente, é um objeto de iluminação Dark Sky – conceito atual em iluminação das cidades, cujo princípio é a diminuição da luz urbana de forma que o céu possa ser observado. Tem iluminação direta nos três pontos de interesse: no passeio do pedestre, no passeio dos veículos e na vegetação. Com o seu dimensionamento mais baixo que o padrão de postes e seu desenho com três focos de iluminação (calçada, rua e vegetação), o poste D+M atinge a eficácia em iluminação exterior e atende o conceito atual de dark sky.

 

imagem 03

Mesa de apoio – Linha Construção – Ivan de Sá Rezende

Utilizando materiais empregados no cotidiano brasileiro das construções populares, como o tijolo de barro, os cobogós de cimento e a madeira, as mesas construção se apropriam destes materiais como superfícies de apoio e como evidências culturais. A emolduração dos materiais de construção evidenciando sua relevância e pertinência aliada à composição das peças em estruturas metálicas componíveis abrem espaço para um crescimento da tipologia em consequência da expansão do vocabulário de materiais encontrados nas diversas regiões do país. Estrutura metálica com pintura esmalte preta tijolo refratário, cobogó em concreto, madeira maciça de manejo sustentável.

Tags:, , ,