DSCF5683

O desafio de Claudio Sibille na simplicidade da cadeira Pituki

26 de julho de 2017

Completando cinco anos de estúdio, o designer uruguaio Claudio Sibille não esconde a ansiedade em estar presente na High Design Home & Office Expo com sua Cadeira Pituki, vencedora do Prêmio Salão Design 2017 na categoria Espaços Sociais e elogiada pelos jurados pelo forte apelo comercial obtido com a diversidade cromática e facilidade de empilhamento. “Ser parte desse evento por meio do prêmio é um aporte a qualquer designer que deseja sair da esfera local”, comemora.

Claudio Sibille é graduado em Design pelo Instituto Universitario Bios (IUB). Sua carreira já começa com uma calara predileção pela criação de mobiliário. Seu estúdio, fundado em 2012, produz móveis em baixa escala para o mercado local e, desde 2013, também desenha para fabricantes chinesas, que ainda hoje produzem os projetos Ludovico Office e Escritorio Marken – comercializados no Brasil pela Tok&Stok e Oppa. Hoje, Sibille dedica-se exclusivamente à exportação de serviços de design na forma de licenciamento.

pituki blog

A cadeira Pituki não surge de um briefing, mas da convicção do designer de uma peça moderna, simples e, ao mesmo tempo, dotada de certa nostalgia. A cadeira leva a uma viagem pelas décadas de 1950 e 1960.

Apesar de ser um projeto simples e altamente comercial, o designer confessa que essa concepção foi a que mais lhe custou horas de trabalho. Não é uma cadeira retro, porque não há intenção de recriar um estilo passado. Pituki é, na verdade, um produto moderno, contemporâneo, que respeita e contempla os grandes exemplos do passado.

 

 

 

 

 

Tags:, , , , , , ,