estudio_oppagr_4394_1406

Oppa e sua inspiração na dança portenha

2 de agosto de 2016

O Estúdio Oppa, com seus designers parceiros e equipe interna, assina projetos orientados para serem eficientes, seja na utilização de materiais, na solução construtiva,

na facilidade de montagem e também eficiência na usabilidade. Agregando esses elementos como preceitos básicos, a marca oferece o chamado smart design, com estética simples, contemporânea e leve. Assim é o Cavalete Tango, Menção Honrosa na categoria Móveis para Escritório e Home Office nesta última edição do Prêmio Salão Design.

O designer Mauricio Nakane, da equipe Oppa, conta que os projetos têm extremo cuidado com a escolha de acabamentos e seguem uma orientação de estar de acordo com seu público-alvo, que vai desde jovens dinâmicos a pessoas já mais sofisticadas. Nesse sentido, o Cavalete Tango nasce com o desafio de ser uma peça ousada, em madeira e de baixo custo.

4394 (1)

Com essa demanda, Maurício Nakane e os colegas Ana Carolina Yukari Toyama e José de Alcântara Machado chegaram a um desenho diferenciado, mantendo a viabilidade econômica e ofertando um produto de qualidade. “O segredo do Tango está na solução construtiva que faz o melhor uso possível do material utilizado, que não é excepcional em termos de desempenho mecânico, sem necessitar de ferragens sofisticadas ou custosas para manter a estabilidade”, conta.

 

O Cavalete Tango entrelaça suas pernas, como na dança portenha. Além do jogo de movimento que oferece, o produto é superprático. Ele chega ao cliente desmontado e tem baixo custo de embalagem. O cavalete é produzido em madeira maciça de pinus de reflorestamento e leva operações de usinagem de corte e fu­ração. O acabamento é dado em pintura ou verniz à base de poliuretano.

Tags:, , ,